terça-feira, 11 de novembro de 2014

Histórias de estabelecimentos penais

 Penitenciária de Hortolândia 

 Situada na Rodovia Campinas Monte Mor Km. 05, Jd. Novo Anglo, Hortolândia, em 06/05/1988, foi inaugurada a então Casa de Detenção Campinas Sumaré, com a finalidade de abrigar presos condenados do regime fechado.
  Em Junho de 2001, passou a ser denominada Centro de Detenção Provisória Penitenciária III de Hortolândia, quando passou a abrigar presos provisórios até meados de 2007, quando retornou ao status de penitenciária, voltando a abrigar presos condenados do regime fechado.


  No período de junho de 2004 a junho de 2007, foi administrada em parceria com uma organização não governamental, sendo que a parceria foi encerrada em junho de 2007.
  A unidade passou por alguns momentos de crise, sendo a pior ocorrida em junho de 1995, com duração de três dias, onde servidores e sentenciados vieram a falecer ante a rebelião ocorrida.
  Durante sua existência já foi nomeada de Casa de Detenção Campinas Sumaré, Casa de Detenção de Sumaré, Penitenciária III de Hortolândia, Centro de Detenção Provisória de Hortolândia e atualmente Penitenciária III de Hortolândia.
  Com 28 anos de existência, hoje encontra-se desativada e passa por reforma geral e readequações em suas dependências para proporcionar melhores condições de trabalho aos servidores, como também sanar problemas  estruturais em virtude do tempo de funcionamento.